sexta-feira, 8 de novembro de 2013

Mais um livro presidenciável?

Depois de Pedro Santana Lopes e José Sócrates, chegou a vez de António Guterres apalpar terreno para a Presidência através do livro «Os Segredos do Poder». O lançamento de livros não significa, necessariamente, que os autores ou biografados vão ser candidatos, mas são sempre um medidor inicial de popularidade que pode ajudar a abrir caminho a outras iniciativas mais sólidas (espaços de opinião na televisão, presença em eventos destinados a promover o convidado, etc) que reforcem a sua imagem junto do eleitorado.

E Durão Barroso, quando lança o seu livro, seja ele uma biografia ou sobre a sua liderança da Comissão Europeia?

Sem comentários: