quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Gorduras do Estado: de certeza que «já foi tudo anulado», Teresa Caeiro?

No passado dia 20 de Outubro, no programa Parlamento, transmitido pela RTP2, Teresa Caeiro disse «Porque aquilo de que se fala tradicionalmente... as pessoas, e quem nos está a ouvir, provavelmente, pensam "as gorduras é motoristas, é papel...". Não, isso já está, já foi tudo anulado! O que é que é a despesa do Estado? É vencimentos» - ver a partir de 49''32'.

Teresa Caeiro terá feito tamanha afirmação para iludir a audiência - conseguindo fazê-lo com os restantes 3 elementos que com ela debatiam e que não se pronunciaram sobre as suas afirmações - ou tê-lo-á feito com base em erro ignorância? Tenha tal acontecido com base em que factor for, certo é que trata-se de uma afirmação que não corresponde em nada a realidade - aliás, nem sequer a que se lhe segue. Vejamos se «motoristas» e «papel» «já foi tudo anulado»:

Posso ficar aqui até amanhã, Teresa. De certeza que «já foi tudo anulado»?

Sem comentários: