quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Com o aval do BE, a Câmara Municipal de Almada também nomeia o seu «boy»


Se as nomeações de Catroga e Cardona podem ser questionados, ninguém terá a coragem de afirmar que nenhum dos dois tem experiência como gestor. Porém, o que dizer do cidadão Paulo Jorge Piteira Leão, um gestor de topo do concelho de Loures que, pelos vistos, até em Almada é conhecido! O seu vasto e inquestionável currículo inclui uma licenciatura em História e o exercício de cargo de vereação, pela CDU, no concelho de Loures, com o pelouro da sinalização rodoviária. Pelo meio, um vasto currículo na área da cultura, nomeadamente na Editora Caminho. Toda esta experiência profissional valeu hoje ao cidadão Paulo Jorge Piteira Leão, comunista convicto, uma nomeação como Vogal Executivo do Conselho de Administração da ECALMA, uma empresa municipal almadense que, como se sabe, tem tudo a ver com cultura e História.

Segundo a Presidente da Câmara Municipal de Almada, Maria Emília Guerreiro Neto de Sousa, foram ponderados na nomeação o «exercício da função com critério, pensando em dinheiros públicos», acrescentando ainda que conhece «muita gente licenciada em História que exerce de forma competente cargos de gestão».

Para terminar, uma palavra ao Bloco de Esquerda que, pela pessoa da vereadora Helena Oliveira, absteve-se e agitou os ombros (literalmente), querendo descartar-se da nomeação do boy comunista, mesmo apesar de saber que foi a sua abstenção que empatou a votação e tornou possível a nomeação comunista. Pergunto se este Bloco de Esquerda será o mesmo que é apoiado pelo Bloco de Esquerda do Parlamento, o tal que dirige duras críticas ao Governo pelas nomeações que faz. Enquanto CDU e BE tentam ultrapassar a esquizofrenia de que padecem, o cidadão Piteira Leão lá dará provas das suas excelentes capacidades de gestão, com base nos seus conhecimentos de História e Literatura, à frente da ECALMA.

Bons reboques e bom passivo!... que não é tão reduzido quanto isso.

P.S.: Será que em 2012 o Conselho de Administração da ECALMA vai aprovar novo patrocínio à Festa do Avante, seguindo o exemplo de anos anteriores?

Sem comentários: