terça-feira, 5 de julho de 2011

Manifesto

Porque a época assim o exige, proponho-me a lutar (i) contra o marasmo político, social e ideológico, (ii) contra o seguidismo e (iii) contra a resignação. Simultaneamente, pretendo (i) promover o debate, (ii) mostrar visões alternativas e (iii) ajudar à descoberta da verdade através de esclarecimentos, investigações e outros mecanismos ao alcance de alguém cuja única ambição é ajudar a colocar Portugal na vanguarda.

Sem comentários: